Opção pela Câmara Especializada de Engenharia de Segurança do Trabalho, perante o Crea-RS

Os conselheiros do CREA-RS que compõe as câmaras especializadas são indicados pelas entidades de classe, que, no caso da Segurança do Trabalho, pela ARES.  A quantidade de conselheiros é definida pela proporcionalidade das especializações (modalidades), entretanto de forma a prejudicar a Engenharia de Segurança do Trabalho, o CONFEA determinou computar o profissional uma única vez, na categoria e modalidade profissional correspondente ao primeiro título de seu registro, anotado de acordo com a Tabela de Títulos Profissionais do Sistema Confea/Crea. Nós, Engenheiros de Segurança do Trabralho, sempre somos segundo título, motivo pelo qual solicitamos que você faça esta opção de modo a termos mais representatividade como conselheiros fortalecendo a Câmara Especializada de Engenharia de Segurança do Trabalho (hoje somos apenas 4).

Assim, a ARES solicita a TODOS Engenheiros de Segurança do Trabalho, que não tem "Opção por Câmara/Modalidade", perante o  Crea-RS, que façam impreterivelmente, até  30 de maio de 2017, no site do CREA-RS - www.crea-rs.org.br

ENGENHEIROS DE SEGURANÇA DO TRABALHO, que tem sempre mais de um título profissional (graduação e pós-graduação) a não opção implica contar, para efeito de cálculo a graduação, daí a importância da OPÇÃO.  Frisa-se que esta opção NÃO implica em perda de atribuições profissionais da graduação.

 

 

Direção ARES